Consulta da Dor

A ZENVET dispõe de um serviço especializado para o diagnóstico e tratamento da dor. Somos referência nesta área fruto de formação especializada da nossa equipa, adquirida ao longo de anos e de forma contínua e atualizada.

A vida sem dor independente do diagnóstico e da origem em cada paciente é um pilar da nossa filosofia de cuidados médicos. Frequentemente, em consulta de referência, é um dos focos por diagnosticar.

Tal como em todas as nossas consultas a história clínica, o exame físico convencional e integrativo e os meios de diagnóstico complementares são auxiliares diferenciados.

 

 

A MVI oferece uma diversidade de terapêuticas que funcionam de forma sinérgica permitindo um maneio multimodal da dor. Este tipo de maneio permite atuar nos diferentes mecanismos fisiopatológicos da dor pode envolver uma diversas estratégias:
  • Farmacológica
  • Nutricional (Reabilitação nutricional e Suplementos alimentares específicos)
  • Reabilitação neuromotora: Acupunctura, Electroacupunctura, Fisioterapia, Laser
  • Ozonoterapia
  • Fitoterapia Chinesa
  • Medicina Regenerativa: Células Estaminais e Plasma Rico em Plaquetas
  • Proloterapia
  • Moxabustão
  • Utilização de dispositivos de auxílio à mobilidade (Physio Brace, Mangas de apoio articular etc)

Saiba como reconhecer a dor do seu animal.

Os nossos animais manifestam a dor maioritariamente de uma forma não verbal. Nos cães os sinais que devem captar a nossa atenção são:

  • Apatia e relutância em mover-se (subir, descer ou contornar obstáculos)
  • Perda de massa muscular
  • Aparência envelhecida
  • Arfar sem motivo aparente
  • Mudar de lugar ou posição com frequência
  • Lamber ou roer os membros ou outras zonas do corpo de forma repetitiva
  • Alteração comportamental que se confunde com agressividade
  • Perda de apetite
  • Alteração da forma como urina ou defeca
  • Rigidez ou claudicação ao caminhar e menor atividade
  • Adquire posturas anómalas: cifose, lordose, escoliose, abdução, rotação hiperextensão entre outras.

Os felinos manifestam dor de forma mais subtil o que por vezes implica que sejam diagnosticados mais tardiamente. Os sinais associados são:

  • Alteração na rotina de higiene (má qualidade de pele e pêlo)
  • Urina e fezes fora do caixote
  • Alteração nas interacções sociais com humanos e/ou outros animais
  • Perda de apetite
  • Agressividade e/ou isolamento
  • “Envelhecimento” – deixa de subir e descer obstáculos