Técnicas Terapêuticas

Acupunctura

Electroestimulação

Implantes de ouro

Fitoterapia Chinesa

Proloterapia

Homeopatia

Autohemoterapia

Moxabustão

Hirudoterapia

Laser

Medicina Regenerativa

Cirurgia

Fisioterapia Veterinária

Transfusão Sanguínea

Quimioterapia

Quiropraxia

Ozono

Acupunctura

O termo Acupunctura provém do latim “Acus” que significa agulha e “punctura” que significa puncionar, ou seja, agulha que punciona a pele. É na prática a inserção de agulhas específicas em pontos com descrição anatómica exacta, com o objectivo de resolver sintomas e curar patologias.

O meio de atuação da Acupunctura baseia-se na estimulação de nervos aferentes que transmitem sinais ao Sistema Nervoso Central com o objectivo de, através dos nervos eferentes, conduzir a que se desenvolvam acções no organismo. Estas podem ser de natureza motora ou fisiológica.

As indicações são várias:

  • Ortopedia
  • Neurologia
  • Dermatologia
  • Comportamento animal
  • Oncológica
  • Outras

Electroestimulação

Como nome indica é uma alteração no método de utilização tradicional de acupunctura em que para além das agulhas recorremos ao uso de aparelhos próprios que veiculam estímulo eléctrico controlado tanto em intensidade como frequência.

Tem variadas utilidades sendo muito utilizada em:

  • Patologias neurológicas
  • Hérnias discais
  • Ortopédicas (artrose)
  • Analgesia (em conjunto com protocolos de anestesia).

É uma técnica que utiliza impulsos eléctricos que agem em pontos motores ou em terminais nervosos, provocando os efeitos terapêuticos desejados.

Implantes de Ouro

  • Os Implantes de Ouro são pequenos filamentos de ouro de calibre específico. São inseridos por meio de um aplicador próprio e uma vez aplicados consideram-se permanentes.
  • O efeito do ouro é conhecido há décadas e o seu uso mantém-se na medicina Humana. As patologias articulares (Displasia de anca e cotovelo, artroses, espondiloses) foram as inicialmente tratadas e as que se encontram largamente documentadas em Medicina Veterinária.
  • Os seus efeitos são superiores ao uso de medicações anti-inflamatórias e analgésicas.
  • Recentemente o mecanismo de atuação do Ouro foi descrito permitindo a sua utilização e recomendação com sucesso em patologias auto-imunes: Lupus, Estomatite-Linfoplasmocitária Felina e outras como é o caso da Epilepsia.
  • É com base nos estudos mais recentes que a ZENVET recomenda e aplica os Implantes de Ouro não apenas com base na Teoria dos Pontos de Acupunctura podendo porém ser considerada uma forma de Acupunctura permanente.
  • Desde o início da aplicação dos Implantes de Ouro a ZENVET já tratou centenas de pacientes com elevada percentagem de sucesso.

Fitoterapia Chinesa

  • A Fitoterapia utiliza, com fins terapêuticos, plantas medicinais que através de fórmulas, algumas delas seculares, são incorporadas com o objectivo de tratar uma patologia garantindo a ausência de efeitos secundários.
  • Enquanto a maior parte dos medicamentos ocidentais que utilizam plantas resultam da extracção de apenas uma pequena parte (o princípio activo) a fitoterapia utiliza quase a totalidade da planta, no pressuposto de que o efeito da utilização da planta é diferente do efeito do somatório dos componentes.
  • Assim, faz uso de algas, bolbos, raízes, flores, cascas, sementes e folhas, sendo especialmente adequada para doenças crónicas, problemas digestivos, doenças de pele e alérgicas, infecções e muitas outras.
  • As fórmulas prescritas são específicas para o uso em Medicina Veterinária sendo as indicações terapêuticas adequadas às patologias das espécies que tratamos.

Proloterapia

  • A proloterapia, também conhecida como terapia injetável de regeneração, consiste num procedimento infiltrativo, não cirúrgico, desenvolvido há mais de 60 anos, que visa curar lesões tendíneas e ligamentares que levam à dor crônica.
  • As mudanças decorrentes da aplicação das injeções duplicam a capacidade regenerativa dos tecidos que não são vascularizados, sendo que isto ocorre no mesmo instante em que o leito capilar se dilata após a lesão. Todavia, este leito capilar apresenta nova diminuição em menos de duas semanas. Deste modo, para a manutenção da capilaridade do tecido em questão, bem como para uma melhoria do processo de cicatrização, é necessária a realização de aplicações periodicamente, após semanas ou meses, variando de acordo com a resposta de cada paciente.
  • A técnica é utilizada em particular na luxação de patela (ou rótula), luxação ou sub-luxação umeral, tratamento da hiperextensão ligamentar decorrente de displasia de anca por exemplo.

Homeopatia

  • Uso de produtos e variadas origens: vegetalmineral ou animal em doses e concentrações específicas estudadas e documentadas adequadamente na medicina veterinária com sucesso em determinadas patologias desde dermatológicas, oncológicas e no maneio de dor.
  • É importante que todas as técnicas sejam adequadas às espécies que tratamos pelo que na ZENVET asseguramos que todas as recomendações destes produtos se baseiam em estudos na área veterinária que conferem resultados e segurança.

Autohemoterapia

A capacidade de estimulação do sistema imunitário é das mais importantes mais-valias que podemos obter com este tratamento. Assim sendo todo o tipo de patologias cujo tratamento beneficiaria de um sistema imunitário reforçado podem ser candidatas ao tratamento por esta técnica.

Consiste na administração de sangue ou soro do próprio animal com ou sem suplementação (vitaminas). A administração é indolor e aplicada em pontos específicos que se determinam de acordo com a patologia a tratar.

Algumas das indicações terapêuticas são:

  • Atopia
  • Lupus
  • Tumores
  • Anemia
  • Trombocitopénia

Moxabustão

  • A Moxabustão consiste no uso de calor derivado da combustão de Artemísia vulgaris.
  • Útil na estimulação de pontos de acupunctura, sendo usado no tratamento de patologias em que o calor é recomendado.
  • Muito útil no maneio da dor crónica ortopédica, Trigger Points musculares e outras patologias ortopédicas.
  • Pode ser indicado em casos de úlceras (de pele, de córnea) em que não são apenas estimulados pontos de acupunctura.

Hirudoterapia

  • É uma terapêutica que utiliza sanguessugas medicinais (“Hirudina officinalis”e “Hirudina medicinalis”).
  • As substâncias biologicamente activas que compõem a secreção das glândulas salivares das sanguessugas servem para desinfectar o sangue e a saliva das sanguessugas. Mas essas substâncias também são indispensáveis para os tratamentos pois melhoram algumas propriedades do sangue, afectam o fluxo sanguíneo e as paredes vasculares.
  • Têm impacto no sistema imunitário e microflora patógena, e, consequentemente, tem efeito anti-inflamatório, bacterioestático e imunoestimulador.
  • O grupo de enzimas, que actuam no nível da parede dos vasos sanguíneos, possui efeito anti-aterosclerótico e como anti-isquémico. E ainda o grupo de enzimas, que influenciam a circulação do sangue e linfa, são úteis para um paciente pelo seu efeito hipotensivo e acelerador de fluxo linfático.
  • Nos nossos animais de estimação são usadas para tratar otohematomas, dor aguda de origem ortopédica, Lesões necróticas/isquémicas.

Laser

  • O Laser é um aparelho indolor, utilizado nos pontos de acupuntura e zonas de tratamento específicas, promovendo analgesia e efeito antiinflamatório.
  • Muito usado em gatos, animais silvestres e outros animais que não aceitam agulhas.
  • Também indicado para feridas de difícil cicatrização.
  • É um foco luminoso que quando penetra no organismo gera reações bioquímicas, bioelétricas e bioestimulantes, promovendo efeitos antiinflamatório, analgésico e humoral.
  • O equipamento trabalha respeitando o limiar de sobrevivência da célula.
  • O Laser é útil na Cicatrização de lesões cutâneas com presença de agentes infecciosos ou não, alívio da dor local, acupunctura em locais dolorosos ou anatomicamente difíceis de manipular.

Medicina Regenerativa

A Medicina Regenerativa é uma área da medicina atual em maior desenvolvimento. Aposta-se na capacidade de regeneração no sentido da cura que os organismos vivos possuem. E os nossos animais de estimação não são excepção. 

Duas modalidades disponíveis desde 2015 na ZENVET são:

Administração de Células estaminais para patolgias auto-imunes:

  • Atopia
  • Doença Inflamatória intestinal
  • Lúpus
  • Artrite reumatóide
  • Pannus
  • Complexo estomatite gengivite felino)
  • Degenerativas (insuficiencia renal e hepática, mielopatia degenerativa)
  • Pulmonares (alérgicas, imunomediadas) entre outras. 

O Plama Rico em Plaquetas (PRP) consiste como o seu nome indica, na terapêutica realizada com um concentrado de Plasma que pode ser de dador ou do próprio paciente, em nenhum dos casos com riscos de rejeição. O PRP possui fatores de crescimento, mediadores anti-inflamatórios e por isso tem a capacidade de auxiliar em:

Quadros articulares

  • artrose
  • rotura total ou parcial de ligamentos

Inflamatórios de outra Natureza

  • Muscular
  • Dermatológico
  • Outros

Estas terapêuticas são não invasivas, realizadas em ambulatório e sem contra-indicações. 

São seguras e atualmente com uma vasta demonstração de eficácia clínica na Medicina Veterinária. 

Cirurgia

  • O serviço de cirurgia abrange todo o tipo de cirurgias de tecidos moles bem como ortopedia.
  • Desde os procedimentos de prevenção a cirurgias electivas todos os pacientes são tratados por veterinários competentes e formados em áreas específicas.

Fisioterapia Veterinária

A Fisioterapia consiste num conjunto de técnicas de manipulação com o objectivo de favorecer o aumento da mobilidade articular, o fluxo sanguíneo e o desenvolvimento de massa muscular e ligamentar.

Na ZENVET a fisioterapia serve como complemento aos tratamentos instituídos e frequentemente o tutor tem um papel ativo em desempenhar os exercícios recomendados.
Contamos com o apoio de auxiliares de locomoção próprios que favorecem o ganho de massa muscular e que se inserem na rotina do dia a dia do paciente.

Benefícios da Fisioterapia:
  • Melhora a funcionalidade e qualidade dos movimentos.
  •  Reduz a dor e o inchaço.
  •  Acelera a recuperação motora.
  •  Promove o aumento da força e amplitude dos movimentos.
  •  Abordagem não invasiva.
  •  Possível redução de custos para o dono.
  •  Melhora a qualidade e a esperança média de vida do animal.
  •  Previne o aparecimento de outras lesões.
  •  Reduz a necessidade de administração continua de anti-inflamatórios.
  •  Preserva e enriquece a função muscular.
Métodos da Fisioterapia:
  •  Termoterapia.
  •  Massagem Muscular.
  •  Electroestimulação.
  •  Ultra-Sons.
  •  Laserterapia.
  •  Fitness para animais obesos.
  •  Exercícios Terapêuticos com recurso a equipamentos

Transfusão Sanguínea

  • Quando se torna urgente fornecer aos nossos pacientes este suporte vital possuímos uma lista de dadores adequados que cumprem os requisitos necessários para um procedimento seguro a ambos dador e receptor.
  • A titilação sanguínea é um método acessível e comum na actualidade e disponível para realizar previamente ao procedimento.

Quimioterapia

  • Na medicina veterinária à semelhança da medicina humana os avanços nos tratamentos a pacientes oncológicos tem evoluído no sentido de especificidade, diminuição de efeitos secundários bem como taxas de sucesso mais elevadas.
  • No âmbito da medicina integrativa a oncologia é sem dúvida uma patologia (independente da sua natureza específica) que compromete todo o organismo e é fundamental tratar o paciente de forma holística, como um todo.
  • O sucesso na redução de efeitos secundários bem como na recuperação pós tratamentos (químicos e ou cirúrgicos) com a conjugação de acupunctura, homeopatia e fitoterapia às terapêuticas convencionais permitem aos nossos pacientes qualidade de vida bem como taxas de recidivas muito diminuídas.

Quiropraxia

  • A manipulação controlada das diversas zonas anatómicas (cabeça, pescoço, coluna e membros) com movimentos cujo objectivo é a correcção postural melhorando sintomas como dor, claudicação e que visam o bem estar do paciente.
  • É uma técnica associada frequentemente na medicina dos pequenos animais ao tratamento com acupunctura, é indolor, rápida e eficaz.
  • Promove a melhoria dos sintomas actuando como o acelerador de recuperação em conjunto com outras técnicas aplicadas.

Ozono

  • A Ozonoterapia é o conjunto de técnicas que utilizam o Ozono como agente terapêutico num grande número de patologias. É uma terapia totalmente natural com poucas contra-indicações e efeitos secundários mínimos, desde que realizada correctamente.
  • A história da Ozonoterapia começa na Alemanha. O percursor do uso do Ozono foi Werner von Siemens, que em 1857 construiu o primeiro tubo de indução de administração de Ozono para a destruição de micro-organismos. A partir da Segunda Guerra Mundial proibiu-se o seu uso na EUA para todas as indicações em que competia com a medicamentos convencionais.
  • Na Europa o seu uso manteve-se a técnica foi sendo desenvolvida e aprofundado o seu uso sendo atualmente em Portugal implementada em diversas unidades públicas e privadas, estando regulamentada como terapia médica da Nomenclatura da Ordem dos Médicos de acordo com a publicação do Dec-Lei Nº 163/2013 de 24 de Abril e através da Portaria nº20/2014 de 29 de Janeiro, o Ministério da Saúde inclui a Ozonoterapia como tratamento reconhecido pelo Serviço Nacional de Saúde.
  • Para o tratamento dos nossos animais de estimação (sendo também usado em espécies silvestres e marinhas) as indicações surgem no maneio da dor (inflamação e analgesia), infecção (bacteriana, viral e fúngica), imunomodulação (patologia auto-imune e oncológica).